Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Default/Reestruturar/Default/Reestruturar/ Default/Reestruturar/Default/Rees...

To default or not to default: aqui.

 

Reestruturar ou deixar o país estagnado por décadas: aqui.

 

Daqui por uns trinta anos vai ser generalizadamente óbvio que os bailouts da Grécia, da Irlanda e de Portugal foram erros muito grandes. Como lamenta Jorge Costa do Cachimbo, as perspectivas de crescimento económico em Portugal são tão baixas que não há maneira de garantir a solvabilidade das contas públicas no longo prazo.

 

E como eu escrevi aqui no Albergue, repudiar ou reestruturar a dívida hoje custará menos ao país e à Europa do que deixar o país economicamente sufocado por décadas.

 

É preciso ver que a medida da nossa desgraça já não se contabiliza em "milhares de milhões de euros" mas antes em "décadas de desenvolvimento perdidas".

 

"A reestruturação de dívida externa nacional é a decisão económica mais premente e mais importante de uma geração" defende também Ricardo Cabral aqui.

5 comentários

Comentar post