Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Presidenciais (21)

 

Se há coisa que considero intolerável, numa campanha eleitoral, é ver um candidato conduzir uma brigada de jornalistas para o interior de creches, jardins de infância, centros de dia e lares de idosos. É indecorosa a exploração das imagens de meninos e velhos para efeitos eleitorais. Ontem lá tivemos a dose do costume deste jornalismo preguiçoso e reverente, que adora dar voz à ignorância dos cidadãos. "Sabe quem é aquele senhor?", perguntava uma repórter a uma velhota, a poucos metros do candidato Fernando Nobre. "Não sei", respondia a atrapalhada senhora, quase pedindo desculpa, como se receasse decepcionar a jornalista.

Que tem isto a ver com política? Nada. Que tem isto a ver com jornalismo? Coisa nenhuma.

Mas o pior aconteceu também ontem, quando Defensor Moura levou os jornalistas a um centro que acolhe jovens deficientes. Certamente nenhum vota a 23 de Janeiro, mas isso não inibiu alguns repórteres de lhes revelar os rostos e recolher declarações de vários deles. Nada que incomodasse o candidato que vive em Viana do Castelo. Depois disso - pasme-se - Moura "deu um passeio improvisado na rua onde mora", registou a arguta reportagem televisiva. Facto extraordinário. Só faltou esclarecer se levava algum cãozinho pela trela.

9 comentários

Comentar post