Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Desabafos de um liberal ao vivo, em noite de Verão, antes do aumento dos impostos e da diminuição do vencimento


O dia começa com menos sol, menos vencimento e mais impostos. O deputado Ricardo ainda não discursou. O banqueiro Ricardo deu conferência de imprensa e confirmou a velha tese pouco anarquista: vendam-se os anéis, para ficarem os dedos! Ainda podemos lambê-los, antes de uma OPA os desenroscar...

 

Aí é que, em vez de restos, teríamos de lamber feridas dos decepados. Mas sempre há belos cirurgiões para as plásticas da propaganda!

 

Mas o país que resta, mesmo o da blogosfera, parece que já não compreende o riso. Até nem sabe que a ironia "consiste em dizer as coisas que declaramos não dizer, ou então dizê-las com palavras que afirmam o contrário do que queremos exprimir"...

 

Confirma-se que somos definitivamente o país do catolicismo laico, dessa mistura de Auguste Comte com releituras tardias de São Tomás de Aquino, conforme a proposta salvífica do ex-anarquista e ex-republicano Alfredo Pimenta, quando pensava tornar-se no ideólogo do salazarismo.

 

Muitos, de tanto se terem impregnado de fórmulas de Marx, nem reparam que, quando o abandonaram, voltaram ao mais vérmico lastro dos positivismos e dos utilitarismos. O nosso mal é, sobretudo, de subsolos filosóficos mal digeridos...

 

"Quando o governo fala está a interpretar os interesses do país, os interesses nacionais". De Sousa o disse. Toma!
Crise, o que é? É quando o normal é haver anormais...

 

"Não deixarei que ninguém ponha sobre quem é mais caro as responsabilidades de uma equipa". A culpa é sempre do simão...". Confirmam-no "seis ilustres juristas", tão independentes que até parecerizaram "pro bono"...

 

Ilustres senhores! Crise é transformar os superiores interesses do país e os interesses nacionais em taxímetro... Vale-nos o PGR, que comanda a única parecerística verdadeiramente independente, de acordo com os princípios constitucionais! A nossa justiça que é a melhor da Europa continua a jogar para o empate...

 

A trapalhada pode sair muito cara para os senhores contribuintes. E quando ela se enreda em plural, pode acontecer um verão de acentuado arrefecimento nocturno, sem quem nos possa desatrapalhar... Só uma consciência cívica reanimada pode pôr os bois à frente do carro. Desapertem-lhe a canga!

 

Já não há costas, apenas lombo. Os bois são apontados pela poesia lusitana como símbolo do povo que trabalha...às vezes marram.

 

Lá vejo De Sousa em imagem na TV: não me parece que tal "carificação" (de "cara") dos interesses nacionais seja marcada por uma necessária credibilidade que inspire confiança. Quem se gasta pelo abuso da propaganda pode tornar-se pólvora ressequida, com muito fumo e pouco fogo. Só Alegre lhe reconhece interesse estratégico para a economia portuguesa. E o CDS mostra como essa do liberal, só a retalho...

 

Raciocinemos ideologicamente: Sócrates é socialista porque intervencionou em nome do socialismo; para defender uma intervenção capitalista em uma empresa de regime no âmbito de uma empresa num Estado estrangeiro; logo, como a serpente pode devorar a própria cauda, eis que Lula, se for das gigantes, como o dragão, pode ser consequente com o mesmo socialismo e intervencionar a Vivo...

 

Se Lula for tão proteccionista como Sócrates, teremos de concluir que valia mais a solidariedade ideológica do camarada Zapatero e a lealdade dos amigos ricardos. Bastava ler Marx e concluir que o capital não tem pátria...

 

Louvo o PCP pela coerência ideológica: "nacionalizemos" a PT para ela ser "nossa". E compreendo que não saiba fazer contas, nomeadamente sobre quanto desembolsámos com os homens sem sono da noite de 11 de Março de 1975. O contribuinte pagou tudo ao tostão, com juros e favores. Ainda não nos explicaram esse dispêndio da pesada herança...

 

E com pena, confirmo que o CDS permanece fiel ao velho socialismo catedrático do Estado Velho bismarckiano, actualizado por António de Oliveira, mas revisto e corrigido pela nacionalização dos prejuízos e pela privatização dos lucros... Um verdadeiro portucalense convicto da necessidade de submarinos, sem dúvida! Sem dúvida quanto aos financiamentos, acrescento. Nada reteve da bela tradução que fez de Michael Novak...voltou ao ritmo do corporativismo antiliberal de Leão XIII...

 

Também sugiro que o Bloco de Esquerda, através do guru portalegrense BSS, exporte a doutrina para a Dilma, para que a Vivo seja nacionalizada, deles. Nós podemos ficar apenas com a Isabel Santos...

 

Entretanto, pela madrugada, triste e não leda, Queiroz regressa e diz que não se demite, porque pode usar a "golden share" da cláusula indemnizatória. Há outros que, mesmo antes de demitidos, continuam a marcar golos na própria baliza, mas com outras cláusulas que servem de pretexto ao Madaíl para encanar a perna à rã...

 

Diz também o DN que o número dois de Pinto Monteiro já atingiu a idade da reforma. E que a Lei que lhe permitirá manter-se no cargo ainda não foi aprovada. Não diz de muitos outros nas mesmas circunstâncias com muitas outras leis especiais. Todos os anos fazem setenta anos, mas ninguém lhes diz a verdade...

 

A gerontocracia dominante, com os seus ausentes-presentes em conspiração permanente de avós e netos, transformaram o Portugal que resta em anedótico regime de viagra verde-vermelho, só explicável pela acumulação de reformas e aposentações, com leis especiais para quem gosta de carro preto com motorista, secretária de pau preto e secretária de carne com teclas...

 

PS: A do espírito devia ser branca e andar a voar à procura de víveres. O miau, cor-de-rosa, com rosa ao peito, assente em tacho. Só a coleira pode acabar por ser certa. Desde que seja desparasitária. A relva tem a ver com o porta-voz e o guizo ("um objeto oco de metal ou feito de um pequeno fruto seco, aproximadamente esférico, no seu interior possui uma mais bolinhas maciças"). Já as árvores morriam de pé...

3 comentários

Comentar post