Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Albergue Espanhol

"-Já alguma vez estiveste apaixonado? - Não, fui barman toda a minha vida." My Darling Clementine, John Ford.

Novas Oportunidades = Muitas Falsidades

Experiência profissional e de vida não substitui formação escolar nem vice-versa: essa é a primeira falsidade do programa Novas Oportunidades. E a experiência não precisa de diploma para se afirmar: a sua demonstração no local de trabalho - trabalhando - é suficiente.

 

A segunda falsidade é que o objectivo daquela política nunca foi o de oferecer às pessoas uma formação com valor mas sim melhorar as estatísticas através de uma trapaça formal. Educação sem exigência vale muito pouco... ou nada. Os números sobem mas a realidade mantém-se ou piora: é esta a natureza fraudulenta das políticas socialistas.

 

A terceira falsidade é que os empregadores não se deixam enganar porque um erro de contratação sai caro (sobretudo no país com o mercado de trabalho mais esclerosado da OCDE: Portugal). Na perspectiva do empregador, um potencial empregado é contratado se demonstrar produtividade e independentemente do diploma que possa apresentar. Se as competências demonstradas forem baixas ou desadequadas, o diploma não chega. Se as competências forem suficientes, o diploma não interessa.

3 comentários

Comentar post